Backups com Oxidized

Introdução

Eu apostos que você já teve problema com um equipamento, e ao procurar o backup… SURPRESA! Não tem backup. Ou ele é tão velho que sem chance de ser aproveitado. E lá vai você reconfigurar tudo na mão de novo.

Existem várias soluções para backup centralizado dos ativos de rede disponível. Normalmente é assim:

  1. Você nem se preocupa com backup. Mas um dia é invadido ou o equipamento queima e tão logo você arruma ele, daquele jeito, você procurar uma solução;
  2. E a solução é um script 0800 da internet. Pega ele, nem analisa, coloca para rodar, mas você nunca se preocupa se ele está rodando ou não. Ou ainda se tem espaço disponível no dispositivo E no servidor;
  3. Você começa a ter um monte de coisas na rede, e ainda não tem uma política de backup, mas já percebe que isso é uma mão na roda quando dá pau, e resolve investir nem que seja em um script guardando tudo num repositório SVN ou GIT.
  4. Por fim você finalmente resolve adotar uma ferramenta, uma solução de backup, e desenvolve uma política de manutenção desses backups.

Quando chega nesse ponto você tem desde soluções Leia o resto deste post »


rsync

Como papel de memória deste blog, no caso da minha memória já que ela se desfaz a passos largos, vou postar um artigo bem pequeno e prático.

Sincronizar entre diretórios

$ rsync -Cravzp /home/user/folder/ /any/path/you/want/

Leia o resto deste post »


Comando útil para backup no Linux

Eu tenho um péssimo problema de memória. Portanto mais que compartilhar informações com vocês este blog serve como a minha “mémória”. Eu carrego também uma memória comigo, chamada “agenda”. Se não estiver com nenhuma das duas eu fico completamente perdido, rsrs.

Algo que sempre me incomoda é realizar backups no linux em um segundo HD. Quando você quer realizar um backup em outro computador é super fácil, basta usar o Amanda ou o Rsync. Mas e para manter cópias incrementais dos arquivos, como fazemos?

Hoje descobri uma ótima maneira de fazê-lo utilizando o Rsync. Foi postada pelo Sérgio Pereira, no Google Groups.

O comando fica assim:

rsync -Cravzp /pasta-de-origem/ /pasta-de-destino/

Com isso, você terá sempre uma cópia incremental da pasta em outro lugar.

Quer saber mais sobre Rsync? Acesse aqui.


Sincronizando servidores com rsync

Precisa sincronizar um servidor com velocidade, e precisão?
Use o rsync! Ele se utiliza de um algoritmo que sincroniza apenas as diferenças dos arquivos. Com isso o ganho de velocidade é tremendo.
E o uso deste comando é facílimo. A sintaxe é assim:

rsync -av --rsh="ssh -l user" user@endereço_ip:/backup  /home/local/

Onde:

  • user – usuário utilizado para conectar o ssh
  • endereço_ip – o ip do servidor para conectar
  • /backup – pasta a ser sincronizado
  • /home/local – pasta que receberá os arquivos

O comando em sua sintaxe normal ficaria assim:

#para mandar arquivos para um servidor remoto

rsync -av --rsh="ssh -l jose"  /home/jose jose@192.168.0.1:/backup

#para recuperar arquivos de um servidor remoto

rsync -av --rsh="ssh -l jose" jose@192.168.0.1:/backup  /home/jose

Para mais informações podem checar estes sites: